23 de dezembro de 2012

Contos e Prosas - apresenta a criação de:


Anoiteceu.

Os olhos muram a distância que se fez em nós. 
Ainda que a mão possa tocar esse banco,
onde sentas
a olhar um jardim de flores mortas.
A cor do desejo já não fulgura na pele.
Há um frio que dói nos ossos. 
A mão do sol já não afaga nem aquece o dia.
Já não é dia, nem há dias.
Há apenas um tempo sem  destino.
Horas mortas.
Anoiteceu. Uma noite eterna que te cega.
Abandono a paisagem de mim,
que penduras com zelo
nos escombros do que já foi morada,
onde se ouvia um melodia que já ninguém toca.
Tornei-me leve,
sem esse corpo ao qual se aferra e não soltas.
Já não sou, nem há corpo.
Sou asa de pássaro a rasgar o céu
em direção ao horizonte onde os azuis se misturam.
Não me chames. Não te ouço, nem te vejo.
Já não há ouvidos, nem olhos.
Não tenho frio, nem sinto fome.
Há apenas uma sede.
Uma sede de mergulhar as penas nesse azul imenso
...e ser mar.


Sónia Micaelo
Direitos Autorais Reservados ®

 * Clique na foto e conheça o blog da autora.
__________________________________________________________________________________

28 comentários:

POR TODA MINHA VIDA disse...

Lindo discorrer ...preciso e precioso ...de rara beleza Parabéns Sônia Pedro Pugliese

Dorli disse...

Oi Sónia
Lindo conto poético...
Até eu gostaria ser mar com o vaivém das ondas.
Beijos
Lua Singular

Verinha Portella disse...

Bom dia,Sonia!

Acordar e encontrar um conto maravilhoso com o teu é um presente sem igual.
Parabens,querida.
beijos
vera portella

Dídimo Gusmão disse...

Sónia,

Seu conto é maravilhoso.. Acordar neste domingo de sol e ler um belíssimo conto. É tudo de bom.
Abraços literários.

http://didimogusmao.blogspot.com.br/

Sónia M. disse...

É para mim, uma verdadeira honra encontrar-me aqui, na sua página, J.R. Obrigada.

Aproveito também, para deixar os meus votos de um Feliz Natal a todos e agradecer os vossos comentários.

Deixo um forte abraço
Sónia

Célia Rangel disse...

Poeticamente belo e tocante! Ao mesmo tempo de um realismo cético, tanto quanto possível! Admirei sua participação! PArabéns!
Abraço, Célia.

Carlos Rímolo disse...

Minha querida amiga Sônia !!!!

Passando por aqui para deixar meu carinho e,
Desejar-lhe um maravilhoso Natal e, um belíssimo
Ano Novo.
Que os seus caminhos sejam sempre iluminados,
Com muita paz, poesia, felicidades e amor em seu
Coração e, agradecer-lhe o seu carinho para comigo
E meus trabalhos neste ano que está passando!!!!!!!!
Beijos de luz !!!

POETA CIGANO – 23/12/2012

http://carlosrimolo.blogspot.com

Macaé – Rio de Janeiro – Brasil.

*Escritora de Artes* disse...

Olá Sonia,

Sublime seu texto, parabéns!

Abçs

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Una preciosidad de cuento que leo y leo una y otra vez.
Um abraço.

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Lindo conto Sonia,principalmente quando se fala sobre mar.Adorei!Parabéns!

Bjs.
Carmen Lúcia- mamymilu.blogspot.com

Tunin disse...

Poeta, que coisa maravilhosa para ler!Realisticamente tocante. Parabéns!
Feliz natal!
Abração.

elvira carvalho disse...

Uma prosa poetica muito interessante.
Mergulhar as penas nesse azul imenso e ser mar , é além de uma bela imagem poética um desejo que mora no intimo de cada um de nós.
Um abraço e um Santo Natal.

Nádia Santos disse...

"Sou asa de pássaro a rasgar o céu..."lindo! Parabéns, bjus pra ti.

marylú disse...

Olá, Meu amigo J.R. Viviane,
Estou passando para deixar o meu recado e convidá-lo para dar uma passadinha no meu blog e na PAGINA - CARTÃO PARA OS AMIGOS - pegar o meu humilde cartão de felicitações ao Natal e ano novo, que de já lhe desejo muitas felicidades!!!

Aproveitando também, para parabenizar a amiga Sonia, pelo belo Conto, belo texto...
Parabéns!!!

VILMA PIVA disse...

Sónia Micaelo,querida,
Encantei-me com tua estupenda prosa poética!!Bela, bela! Parabéns!!!
Desejo-lhe um Feliz Natal e que as bençãos do Menino Jesus ilumine seu caminho com amor, saúde e paz!
Beijos!!

*Querido amigo JR Viviani, agradeço a companhia no correr desse ano de 20012, desejando-lhes um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de amor, saúde e paz!
Boas Festas!!
Beijos!!

VIVENDO A VIDA ASSIM... disse...

Sônia, sempre um encanto teus escritos e este é mais um a iluminar os meus olhos nesta véspera de Natal. Um grande e carinhoso beijo para ti. Suzana.

Mary disse...

Sónia!

parabéns pelo lindo conto, irei conhecer o seu blog.
Aproveito para te desejar um
Feliz Natal!



Querido J.R!

Que seu Natal seja de muita
Paz!
Saúde
Amor!
Tranquilidade!
sucesso.

Mais uma vez te agradeço pela oportunidade que deste , e pela sua amizade.

Um beijo no seu coração.

FELIZ NATAL PRA VC E FAMÍLIA!

VIVENDO A VIDA ASSIM... disse...

Viviani aproveitando o comentário aqui deixado desejo-lhe um alegre e feliz Natal cheio de bençãos e luz. Um grande e carinhoso abraço, Suzana.

MARIA MACHADO disse...

Feliz Natal!Sónia Micaelo...Parabéns um conto em poucas palavras mais muito precioso, pois é uma história muito bonita.
Há apenas uma sede.
Uma sede de mergulhar as penas nesse azul imenso...e ser mar. Amei seu conto!
Um abraço
Maria Machado

POR TODA MINHA VIDA disse...

J.R. Meu querido Amigo tentei ontem te achar para te desejar um feliz NATAL ...Como não consegui quero que saibas que esteve no meu pensamento em bons fluidos...e aqui na esperança que vejas te desejo mesmo um feliz natal a te aos seus aos seus amigos também ...peço desculpas por usar este espaço da autora que apresentas por sinal como já havia dito um belo conto este ...parabenizo-o cada dia mais pela sua extrema generosidade e carinho conosco neste trabalho que desenvolves apresentando qualitativamente o que há de melhor ...sempre muita honra tê-lo e poder privar de teu carinho e amizade ...um afetuosíssimo abraço do Amigo que muito te admira ... Pedro Pugliese

Filha do Rei disse...

Como sempre, td lindo por aqui.

Um Feliz Natal juntinho com as pessoas que amam e com o ANIVERSARIANTE. bJSSS

Sissym disse...

Feliz Dia de Natal.

Desejo tudo de bom para o novo ano, 2013 traga realizações, semeado com paz e alegria.

Ano Novo estamos todos juntos de novo!

Bjs

Bia Hain disse...

Sonia, que texto fantástico! Há momentos da vida em que se sentir simplesmente parte da natureza é o bastante, não é mesmo? Leve, solta, sem preocupações...Um abraço!

Antonio Machado disse...

Sonia é poeta!
Parabéns e um ano novo de muitas alegrias e realizações

LORENA LEITTE disse...

emocionante fazer essa leitura !!!
poema perfeito [abraços ]

ELAINE disse...

Sonia querida! Vindo de você, minha amiga! Um verdadeiro e puro mergulho no encantamento poético! Parabéns! Lindo! Abraço carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Lu Nogfer disse...

Poeticamente lindo!
Parabens!

Abaços.

Bento Sales disse...

Olá, amiga Sónia!
Texto espetacular com belas imagens pitorescas e linguagem colorida poeticamente.
Muito interessante esse poema prosaico que enriqueceu este evento indelével do amigo Viviani!

Abraços a ambos.