29 de outubro de 2014

Prosas Poéticas na 15ª apresentação traz a criação de:



Esperança em Soneto



Sombras teimando ficar
Da sempre desiludida
Sem sentido, sem vida!
Tormentos a machucar

No leito a deitar
Que não seja esquecida
Ainda que adormecida
Por ribeiras a passar...

Quero voltar à percorrer
Sem temer dos momentos
Que me fizeram calar!

...Não deixando morrer
Sonhos e sentimentos
Por ribanceiras a rolar.

* * *
Anna Ribeiro 
 Direitos Autorais Reservados ® 
clique na foto e conheça outras criações da autora.


 __________________________________________________________________

28 comentários:

Sinval Santos da Silveira disse...

Oi, Anna Ribeiro !
Bom dia !
A alma livre, e tão linda, espelhada
em teus versos, jamais se submeterá ao jugo do limite.
Parabéns, querida Poetisa, e um
fraterno abraço.
Sinval.

Dorli disse...

Bom dia poetisa Anna.

Nem sei o que falar da sua poesia Tão linda e perfeita!
Exemplo de perfeição.
Beijos
Lua Singular

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Oi Anna,nunca devemos deixar morrer nossos sonhos,que sejam sempre transformados em realidades.
Adorei seus versos,você os delineou com muita veracidade.
Parabéns.
bjs-Carmen Lúcia.

Vanuza Pantaleão disse...

Gostei, Anna!
Os sonhos não podem morrer. Um cântico de esperança no ar. Lindo!

Laura Santos disse...

Rimas muito bonitas num poema construído com muito sentimento.
Gostei muito!
xx

Cidália Ferreira disse...

Boa tarde
Gostei deste poema, bem rimado! Parabéns

Beijinhos e um dia feliz

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Elvira Carvalho disse...

Não podemos deixar morrer os nossos sonhos, porque sem eles não existimos.
Gostei do soneto Um abraço

Célia Rangel disse...

Anna! Quanto carinho em seu poema em mensagem motivadora de se bem-viver!
Abraço.

ॐ Shirley ॐ disse...

Anna, jamais deixe um sonho morrer...
Bonitas palavras.
Beijo!

Amatista Amatista disse...

Hermosos versos deAnna,la poesía alimento del corazón un placer saludarte,Amatista

Mari B. disse...

Que linda sensação de leveza e determinação trazem seus sonetos!

Marina Fligueira disse...

¡Hola, Anna!!!

Exquisitos tus sonetos querida Poeta:sonetos envueltos en grandes sentimiento. Dejando en su mensaje un pizco de tristeza, que no por eso deja de ser hermoso.

Esa sombra que teima quedarse...en la vida-. Sombra que nos afecta a la mayoría, sin que se pierde la esperanza de volver a recorrer momentos dulces sin que nadie nos haga callar.
Te dejo mi felicitación.
Besos azules en vuelo. Desde España-Galicia.

No nos conocemos pero da igual, navegamos el el mismo barco de nuestro buen amigo y poeta. J-R Viviani. Al cual la dejo aquí un fuerte abrazo.

Joana disse...

Bom dia, Anna!
Belíssimo poema! Parabéns!

Grande beijo!

JAIRCLOPES disse...

Soneto-acróstico para Anna

Antes mesmo da sombra teimosa
Nas fímbrias dum lirismo acerbado
Nem um pouco ancha nem prosa
Anna nos apresenta poético lado.

Raios iluminam, as nuvens se vão
Indo ao encontro de bela poesia
Bom encontra-la nessa animação
E esse contato com sua maestria

Imagem pois um pouco desiludida
Ressurge em seu inédito poema
Ouso dizer que está além da vida.

Sim Anna sua alma não é pequena
Inda que um pouquinho comprimida
Move-se nesta poesia e vale a pena!

Verinha Portella disse...

Parabéns poetisa querida!!!
Tua participação enriqueceu o projeto.
beijos
veraportella

Gracita disse...

Parabéns Anna por sua magnífica obra poética.
Versos lindos no seu visceral poema
Beijos

Rosa Mattos disse...

Bela poesia, Anna, cheia de convicção em manter vivo o que se tem de melhor - os sonhos e os sentimentos reais.

beijo grande/
Rosa Mattos

Lindalva disse...

Um escrito tocante. Olá meu amigo, mais um dezembro se aproxima em nossas vidas e, como tradição vamos homenagear o aniversariante Jesus Menino, por isso estou te esperando na Ilha para nos interagirmos no Boas Festas 2014. O convite é um spam, pois como sabes que meu tempinho é curto. Um enorme beijo no coração.

Aparecida Ramos disse...

Cada Texto/Poema sempre uma Obra perfeita!!!! Poetas que dão o melhor de si, escrevem com a alma, jogam na telinha aquilo que está no coração!!! Prazer enorme poder apreciar tanta riqueza em ´poesia!! Aplausos a todos e todas e a você pela generosidade e iniciativa!! Grande beijo de luz e carinho!!!

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Maravilloso Soneto.
Los Sueños y Sentimientos siempre mantienen nuestra Alma y dan Ritmo a nuestro Corazón. Jamás debemos dejar de Soñar e intentar hacer Realidad nuestros deseos y anhelos.
Siempre hay que mirar hacia adelante y aprender de lo dejado atrás.
Abraços e Beijos.

Edumanes disse...

Esperança em Soneto,
no tempo viajando
belos poemas escrevendo
no pensamento voando.

Boa noite Vendedor de Ilusão,
aqui boas intenções muitas haverá
há poemas e muita inspiração
pelo que vejo muita imaginação há!

Abraços para você e para a autora do soneto.

Eduardo.

Evanir disse...

Ana ..
Parabéns pela belíssima poesia .
Feliz deixo meu abraço.
Beijos no coração.
Evanir.

Artes e escritas disse...

A esperança é eterna quando bem cuidada, parabéns pelo poema. Um abraço, Yayá.

Vanessa Palombo disse...

Oi Anna,

Que os sonhos e os sentimentos nunca morram dentro de nós...

(Lindo)

Abçs

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida
Tanta ternura envolvendo cada verso de amor contido!!!
Que a esperança nunca se desfaça em seu nobre coração de poeta!!!
Parabéns!!!
Bjm fraterno

Zilani Célia disse...

OI ANNA!
SONHOS QUE FICARÃO PARA SEMPRE GRAVADOS EM NOSSOS CORAÇÕES E DOS QUAIS NUNCA ESQUECEREMOS, BONS OU RUIS, FAZEM PARTE DE NÓS MESMOS.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Nelma Ladeira disse...

Lindo poema Anna!
O sonho e sentimentos,sempre ficam guardados em nossos corações...
Parabéns pela linda participação!
Beijinhos.

Lu Nogfer disse...

Triste, porem uma belíssima obra!
Parabéns a autora!

Um abraço!