9 de outubro de 2014

Prosas Poéticas na 5ª apresentação traz a criação de:




Coisas do Amor...
 


Quando encostei de leve a minha mão na tua
mal podia saber que me apaixonaria...
Um toque tão casual e corriqueiro
que poderia acontecer com qualquer pessoa..
mas, o meu corpo, não sei porque, te reconheceu
e o meu olhar no teu se estendeu...

Este incompreensível sentimento chamado AMOR,
que inventa regras até então desconhecidas,
que bagunça as nossas emoções
e que se apodera de nossas vidas...
Campos gravitacionais que se atraem
como nos contos de fadas...
Coisas do destino, aprontando das suas??
Quem sabe!!
Mas o certo, é que nunca mais
deixei de pensar em você...

* * *
Suzana Ferrão  
Direitos Autorais Reservados ®
clique na foto e conheça outras criações da autora.
 __________________________________________________________

27 comentários:

Dorli disse...

Bom dia Suzana.

Descreveu o amor com muita veracidade, pois ele acontece assim de repente num toque, num olhar e esse nosso coração bobo se apaixona.
Haja amor...
Adorei sua construção poética.
Abç
Lua Singular

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Suzana,lindos versos escritos com o amor de um coração apaixonado.
Gostei muito.
Eu também participei ontem desse lindo evento.
bjs
Carmen Lúcia.

Dilmar Gomes disse...

Bonito, teu poema, Suzana. Um abraço.
Tenhas uma linda quinta-feira.

Vanessa Palombo disse...

Olá Suzana,

Campos gravitacionais que se atraem
como nos contos de fadas... (Lindo Isso)

Um belo texto..

Abçs

Zilani Célia disse...

OI SUZANA!
UM TOQUE DE MÃO E UM RECONHECIMENTO DE ALMAS.
LINDO DEMAIS.
ABRÇS

http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Marina Fligueira disse...

Hola Suzana, Que bonito ese sentimiento llamado amor: y es que el amor es el motor que mueve el mundo, sin amor nada soy nada somos.

Ha sido un placer pasar a leerte.
Te dejo un beso. Y suerte.

Y también aquí dejo un abrazo y mi agradecimiento para J=R Viviani.

Célia Rangel disse...

Esse encontro de almas é para a eternidade, Suzana! Lindo o seu poema! Parabéns pela sua participação!
Abraço.

Célia Rangel disse...

Esse encontro de almas é para a eternidade, Suzana! Lindo o seu poema! Parabéns pela sua participação!
Abraço.

Rosa Mattos disse...

Uma autópsia dos sentimentos com um diagnóstico preciso. Bem bonito de se ler, Suzana. ♥

Elvira Carvalho disse...

Há amores que de tão intensos, nos acompanham até ao último suspiro.
Um abraço e bom fim de semana

cris braghetto disse...

Olá, Suzana.
Amor arrebatador. Vem, encanta, fica ou vai, deixando saudades.
Parabéns pelo belo poema!
Abraços.

Verinha Portella disse...

Susana, falar de amor é algo que sensibiliza, acolhe,faz bem. Belos versos, amei, me emocionei!
veraportella

Vanuza Pantaleão disse...

Coisas do destino, eu acredito Suzana. Gostei muito!
Bjs

ॐ Shirley ॐ disse...

Bastou um toque, um olhar e o amor aconteceu.
Lindo, Suzana, beijos!

Fiapo de Sonhos disse...

Um amor intenso e pujante que ao primeiro toque arrebatou o coração. Belo poema Suzana. Parabéns
Beijinhos

Guaraciaba Perides disse...

O amor, ah! amor tem seus caminhos e
suas formas de transformar a vida em encantamento.Lindo e também verdadeiro.
Um abraço

Mary disse...

Oi Suzana!

Amor, as vezes simples as vezes confuso, sereno ou cheio de tribulações, mas, assim é o amor!

Parabéns pela linda participação!

Lu Nogfer disse...

Ha amores assim: que que intensificam todos os momentos enquanto eternizam.

Belíssimo. Parabéns, Suzana!

Abraços.

Joana disse...

Boa tarde, Suzana!

Que lindo! Parabéns pela inspiração.

Beijos!

MARIA MACHADO disse...

Suzana, está sendo um prazer te conhecer, e ler sua bela poesia, que fala coisas do amor, que é sempre misterioso. Seu versos são de uma preciosidade, é mesmo coisas do amor.

Um abraço.

Maria Machado

Nelma Ladeira disse...

O amor ele chega de mansinho,quando percebemos já se estalou em nossas vidas,como um conto de fadas!!
Parabéns lindo poema.
Beijinhos.

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Susana
Vc descreveu belamente o que se passa com o toque suave do amor em nossa pele... sim, porque ele acontece no físico também e vai, sutilmente, se transformando em algo duradouro e lindo de se viver!!!
Parabéns por tão lindos versos!!!
Estive ausente de casa por 15 para visitar netinhos amados e só agora pude passar, com calma... Valeu a pena!!!
Bjm fraterno

Artes e escritas disse...

Parabéns pelo poema, afinal,o amor é o amor,sempre o amor! Um abraço, Yayá.

Sinval Santos da Silveira disse...

Oi, amiga Suzana Ferrão !
O amor é assim mesmo. Nasce das
coisas mais singelas e inesperadas.
Até num toque de mão...
Parabéns pelo belo texto.
Um fraterno abraço de boa noite,
querida.
Sinval.

Sónia M. disse...

"como nos contos de fadas"

Amar talvez seja isso mesmo...

Lindo, Suzana! Parabéns!

Beijinhos

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

¡¡¡Parabens por el Poema!!!
Apasionado, sentimental y lleno de sensaciones que hacen vibrar...Me ha encantado conocer tu Poesía y también tu Fascinante blog.
Abraços e Beijos.

Coluna da Mi disse...

Que maneira sutil e bonita de falar sobre o tema mais comentado de todas as poesias e, ainda assim, conseguindo ser original.
Parabéns!