6 de novembro de 2014

Prosas Poéticas na 19ª apresentação traz a criação de:



Preciso de um amigo


Como poeta aqui estou,
Para este meu talento divulgar,
Mais de treze mil versos escrevi,
Alguns eu pude registrar.

Ser amigo não tem idade,
Pra ser basta querer começar,
Como o amor, quem ama,
É incapaz de a alguém odiar.

O perdão faz parte do amor,
Se errou basta se desculpar,
Por amor busco fazer a paz,
Quem erro procuro perdoar.

Preciso de um amigo empresário,
Que possa querer me ajudar,
Sonho escrever um livro de poesia,
E não sei por onde começar.

* * *
Paulo de Andrade
Direitos Autorais Reservados ®

clique na foto e conheça outras criações do autor.
 ____________________________________________________________ 

18 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Paulo,adorei sua Prosa Poética e acho que esse é o desejo de todos os poetas,registrar ou deixar em livros os versos que foram escritos.
Gostei muito.

Abraços-Carmen Lúcia.

ॐ Shirley ॐ disse...

Paulo, o seu sonho é igual ao de todos os poetas rs.
Belos versos.
Beijos!

Sinval Santos da Silveira disse...

Olá, Paulo de Andrade !
Quantas verdades de nobreza, em
tão poucas linhas de poesia.
Admirei.
Parabéns, amigo,, e um fraterno abraço.
Sinval.

Dorli disse...

Bom dia Paulo,
Amigo empresário é meio difícil, mas não impossível, pois escreve lindamente.
Boa sorte na sua procura
Parabéns
Lua Singular

Laura Santos disse...

Com perseverança, esse dia chegará, Paulo.
Lindos versos. Um dia o livro surgirá. Porque não uma edição de autor?...
Boa sorte!
xx

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Como decía Aristóteles:
"La amistad es un alma que habita en dos cuerpos; un corazón que habita en dos almas."
Es cierto; ser Amigo no tiene Edad y siempre es buen momento de buscar una duradera y pura Amistad.
Muy bonita esta Poesía.
Un saludo.

Marina Fligueira disse...

¡Hola, Pulo!!!

Nonos conocemos pero navegamos juntos y no revueltos; en el mismo barco de J-R- Viviani.

Por tal razón te saludo y te felicito por tu linda poesía. ¡Y, el libro, comienza por el principio hombre de Dios.
Un abrazo, y besos azules en vuelo.
Desde España Galicia.

Mi poema está un poco más a bajo.
Si eres ten amble, pasa por allí y déjame dos letras. Gracias.

Marina Fligueira disse...

Perdona, le comí la a, a tu nombre.
Paulo. Un beso.

Roselia Bezerra disse...

Olá,
Pode bem começar pelo que acabo de ler pois tem muito ritmo e está muito bem escrito... vê-se o seu talento...
Abraços fraternos

JAIRCLOPES disse...

Soneto-acróstico

Poeta sagaz, talentoso por demais
A seus versos da vida com recado
Um vate diferente de seus iguais
Longe de ser um louco alucinado.

O perdão faz parte, então perdoa
Debaixo deste céu incapaz de odiar
E não está por aí andando à toa
Atrás de seu sonho busca o limiar.

Não desespera apenas procura
De onde possa sair sua salvação
Raciocina, e sua busca perdura

Algum dia talvez essa sua paixão
Deixará claro que não é loucura
E sua obra obterá compreensão.

Aparecida Ramos disse...

Parabéns pelo talento e esforço! Sua mensagem é justa e merece atenção e admiração!! Irei ver sua página, poeta! Abraços cordiais!!

Zilani Célia disse...

OI PAULO!
SOMOS DOIS, TAMBÉM NÃO SEI POR ONDE COMEÇAR.
GOSTEI DEMAIS TEU ESTILO É SINCERO E ARROJADO.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

NeusaMarilda_Lavienrose disse...

Olá poeta!
Vim trazida pelo trabalho do Viviani que divulga os amigos autores e digo que apreciei muito seu poema. Tem um belo estilo de escrita e bastante inspiração. Abraços

Nelma Ladeira disse...

Linda forma de escrever.
Muito criativo!
Adorei,bela apresentação!
Beijinhos.

Vanessa Palombo disse...

Oi Paulo,

Essas amizades são fundamentais...espero que encontre!

Bem criativo o texto...

Abçs

Artes e escritas disse...

O poeta pode ser cômico, parabéns. Um abraço, Yayá.

Lu Nogfer disse...

Versos bem coerentes e precisos!
Parabéns e boa sorte nesta empreitada.
Dom é o que não falta.

Um abraço

Vanuza Pantaleão disse...

Se errou, basta se desculpar, é assim que acontece aos que amam.
Gostei, Paulo!
Parabéns!